VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

PARTICIPE TAMBÉM DESTE SITE!

MAIS DE 1.820.000 ACESSOS. Muito obrigada, de coração!

ESTE É UM DOS MELHORES E MAIORES BLOGS DE PORTUGUÊS

sábado, 20 de junho de 2009

EM MEADOS DE ... SIGNIFICADO E "MODO DE USAR"

meados, em meados de: como escrever
É comum ouvirmos dizer: "em meados de julho", "em meados de agosto", com o significado de "em algum dia dentro desse mês".


O uso estaria correto?


A resposta é não.
Meados é um termo técnico, definido no parágrafo 2o do artigo 132 do Código Civil (Lei 10.406/02, de 10 de...
janeiro de 2002).
O dispositivo prescreve que o termo meado significa o décimo quinto dia de qualquer mês.
Se procurarmos no dicionário, encontraremos definições de meado: palavra adjetiva, significa dividido ao meio; meio; feito de partes iguais de substâncias diferentes; ou o substantivo masculino metade, o meio.
Portanto, quando for usado o termo meado, se em documento, será sempre o décimo quinto dia; se no uso comum, o meio do mês.

deixe um comentário. SEMPRE É POSSÍVEL MELHORAR.

Obrigada pela visita!
QUER RECEBER DICAS? SIGA O BLOG.


Seja leal. Não copie, compartilhe.
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Respeite o direito autoral.
Gostou? Clique, visite os blogs, comente. É só acessar:

BELA ITANHAÉM

TROCANDO EM MIÚDOS

"CAUSOS": COLEGAS, AMIGOS, PROFESSORES

GRAMÁTICA E QUESTÕES VERNÁCULAS
PRODUÇÃO JURÍDICA
JUIZADO ESPECIAL CÍVEL (O JUIZADO DE PEQUENAS CAUSAS)

e os mais, na coluna ao lado. Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.
Um abraço!
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week! 

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches 

18 comentários:

  1. posso usar este termo no futuro,
    por exemplo:

    em meados de 2012 o mundo vai acabar.

    e ai já sabemos que o vocábulo determina o meio do mês, contudo ele é passado ou futuro?

    Silvam Moura
    3º sem. Adm - (IESB)

    ResponderExcluir
  2. Não, Silvam. 2012 não é um mês, mas um ano.
    Por isso não se pode aplicar o termo meados, nem no sentido técnico nem no vulgar.
    Quanto a ser passado ou futuro, não importa.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. muitooo boa essa explicação!!! agora não erro mais, rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  4. se colocar no texto "a meados do século XIX", estaria escrevendo "até a metade do século XIX" ?

    Luciano

    ResponderExcluir
  5. Olá, Luciano

    Não. Meado significa meio, e não "até a metade".
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. A palavra “meados”, plural de “meado”, é da família de “meio”, “mear”, “meeiro” etc. “Meado” significa “o que está no meio ou aproximadamente pela metade”, na definição do Houaiss. Leia este trecho de Alexandre Herculano, citado no Aurélio: “No meado do décimo século, posto que esse distrito fosse assaz povoado...”

    Quando se diz “em meados de setembro”, faz-se referência aos dias que compõem o meio desse mês (algo que pode ficar entre os dias 14 e 16).

    Pode-se utilizar tranquilamente para ano ou século.

    ResponderExcluir
  7. Tenho uma dúvida, Quando me refiro a palavra meados, por exemplo meados de 2011 terá que ser no dia exato do meio do ano de 2011 ou pode ser no mês em que se da a metade do ano?
    Desde já agradeço!

    ResponderExcluir
  8. Fiz um vestibular que tinha uma questão assim:

    "grandes empresas e o governo começaram a investir alto em meados de 2007"
    A questão perguntava o sentido da palavra "meados" e tinha as seguintes alternativas.

    a)o inicio
    b)o fim
    C)o meio
    d)a chegada

    qual a resposta correta?

    ResponderExcluir
  9. Meados, como visto, significa "o meio". Assim, a alternativa correta só pode ser a "c".

    ResponderExcluir
  10. Pô, eu falava errado até agora, mas faz sentido. se é no meio, como pode ser em outro lugar?
    Valeu.
    Fernando de L. Sampaio

    ResponderExcluir
  11. Estou preocupado com concordância. Li algures:

    [...] "Era meados (sic) de 2012 quando os bancos...[...]

    E aí? Como ficamos, distinta professora?

    ResponderExcluir
  12. Fernando,

    "Em meados" significa meio. Quem escreveu o texto pode ter utilizado o termo equivocadamente, ao se referir a qualquer dia do ano de 2012 ou, se da forma adequada, ao meio do ano. Veja abaixo, para melhor esclarecer, o que afirma o Dicionário Priberam:
    MEADOS
    me·a·do
    adjetivo
    1. Dividido ao meio; meio.
    2. Feito de partes iguais de substâncias diferentes.
    substantivo masculino
    3. Metade, o meio.

    ResponderExcluir
  13. Se meados é metade. Meio? Porque não pode dizer meados de Julho. Ja que pode estar se referindo a metade?

    ResponderExcluir
  14. Se meados é metade ou meio. Então porque não pode usar referindo a Julho meados. Seria metade de Julho?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Maria Lila, boa noite!
      Tecnicamente, o dia 16 é o meado de julho, pois é um mês de 31 dias: 15 dias para o começo, 15 para o final e 1 para o meio. A confusão se daria com os meses pares. Mas não é preciso ser tão drástica assim, não é? Se sabemos que "meados" significa meio, basta não usar o termo aplicando-o como "um dia qualquer" do mês, mas "um dia do meio: 14, 15, 16, 17. São dias que estão no meio do mês referido.
      Um abração e obrigada pelo comentário.

      Excluir
  15. posso usar a palavra meados para anos então?

    ResponderExcluir
  16. Olá, boa tarde!
    Claro! Meados do ano passado; meados de 2008...
    É como dizer "Lá para a metade do ano passado; lá para a metade de 2008..."
    Não é a metade exata, mas aproximada, o que exclui o que estiver no início e no final do ano, do mês etc.
    Obrigada pelo comentário, um abraço e bom feriado!!

    ResponderExcluir

Esteja a vontade para comentar, criticar, elogiar ou enviar sugestões.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

Arquivo do blog